Classificados

Administração

Patrocinadores

 Visitem os Patrocinadores
dos Nobres do Grid
Seja um Patrocinador
dos Nobres do Grid
O Mago Pedro Virgínio PDF Print E-mail
Written by Administrator   
Saturday, 14 January 2012 14:03

 

 

O brasileiro raramente dá o devido valor aos valores que produz em sua terra... e se este valor ainda por cima for de um “rincão” (ou sertão) distante, nem se fala.  

 

Quantas vezes não ouvimos falar dos “Magos” Colin Chapman, John Barnard e Adrian Newey? Centenas? Milhares de vezes? 

 

Desde a noite de ontem, 13 de janeiro de 2012, o automobilismo brasileiro – e mundial – está mais pobre. Um Mago, pequenino em sua estatura, mas um gigante em sua capacidade, não mais voltará à sua prancheta de onde saíram verdadeiras obras primas da criatividade, arrojo e capacidade. 

 

Pedro Virgínio Onofre Barbosa. Era o proprietário da Proton Design, empresa que nasceu em 1980 do sonho deste engenheiro, projetista e piloto que poderia perfeitamente revolucionar o automobilismo.  Sua primeira criação foi o Búzio – um buggy com mecânica Volkswagen. O carro ganhou rapidamente o reconhecimento de todos e teve até participação em novela da TV Globo. Depois veio o primeiro carro esportivo: o Cucaracha, um sonho naqueles tempos onde era raro um importado em nossas ruas. Pedro continuou criando seus buggys e surgiram o Tatuí e o Tatuí 2 e o novo P2 com motor AP 1.8 turbo. 

 

 

Largada da ESPRON na preliminar do GP Brasil de Fórmula 1 em Interlagos, 1989. Os carros de Pedro Virgínio para todo o país. 

 

Além dos carros de rua, a Proton criou carros para competição como Protótipo 1600 Proton, em fibra de vidro, chassis treliçados, motor VW 1600 refrigerado a ar e sem turbina. Depois veio o Protótipo 2000 Proton, que recebeu motor AP 2000, vencedor 1000 km de Brasília. 

 

Na linha de carros protótipos, a Proton Design criou o Espron BMW Proton, carro adaptado para provas longas. Foi com um desses que Nelson Piquet, tricampeão mundial de Fórmula 1, venceu diversas corridas de longa duração. Como reconhecimento, Piquet transformou o carro em uma das atrações da abertura do GP do Brasil de Fórmula 1, em 1999. 

 

São criações da Proton os carros de competições da CTM 2000, e os da Super Turismo, o ST 1.6 e ST 2.0. Hoje a Proton está pronta para atender a demanda de qualquer interessado em montar uma categoria com esses modelos. 

 

 

Este arrojado protótipo vinha sendo trabalhado por Pedro Virgínio e sua equipe em Fortaleza-CE. Tecnologia de 1º mundo no NE! 

 

Além dos carros de turismo e de carros de passeio, a inventividade deste incansável das pistas e dos boxes e oficinas não tem limites. Depois do sucesso do ESPRON no final dos anos 90 e anos seguintes, Pedro criou um novo protótipo. O “JB” foi desenvolvido pelo engenheiro e projetista, com a bagagem acumulada de anos de estudo e largo conhecimento de aerodinâmica, foram aplicados tanto na carroceria como nos dutos de ar interior do veículo. A mecânica usa câmbio Hewland e motor AP 2000 com álcool combustível. A suspensão é do tipo link push Road, os radiadores laterais e fundo tipo asa. O “JB” é considerado o projeto mais completo de Pedro, uma verdadeira obra prima! 

 

Acometido de um câncer de estômago, diagnosticado tardiamente, Dr. Pedro não teve mais força física para reagir ao tratamento e partiu para a história e para a eternidade. Grandes homens como ele sempre farão falta.

 

 

Last Updated ( Saturday, 14 January 2012 14:52 )